Agricultores lamentam falta de chuvas no Vale do Piancó

Após um início de ano sem perspectivas de grandes chuvas, agricultores residentes no Vale do Piancó, Sertão paraibano, já temem falta de período invernoso na região. Vários sertanejos já haviam preparado as terras para o plantio, entretanto a escassez atrapalhou os planos.

Isso aconteceu com moradores do sítio Angicos, localizado na zona rural de cidade de Boa Ventura. Em 2020, foi realizado o corte de terra em suas respectivas propriedades para que eles pudessem já começar o ano com a plantação em dia, mas as chuvas isoladas os deixarem com pouca esperança de uma colheita satisfatória. 

A preocupação dos produtores é não conseguir colher a tempo do período invernoso na região, que é de fevereiro a maio. A maioria dos agricultores tiram as plantações para o consumo, mas grande parte planta para venda em feiras.

Os principais produtos são milho e feijão; ambos têm bom rendimento no comércio. O milho, quando se perde para o consumo, serve de alimento para criações de gado e galinhas, o que é vendido pelo valor de cerca de R$ 40 o saco. Já o feijão é comercializado por quilo.

Embora ainda haja o temor, muitos já se arriscaram no plantio. Eles agora esperam por algo melhor no segundo bimestre.

Previsão

O meteorologista Rodrigo Cézar Limeira, de grande renome na área, afirmou que as previsões meteológicas continuam desfavoráveis para chuvas.

Segundo ele, “O referido oceano continua frio agora no início de fevereiro com perspectiva de se manter assim ao longo de todo o mês, mas tem um detalhe: na segunda quinzena do mês poderemos ter a volta de episódios de chuvas isoladas aqui na nossa região, mas que ainda não deverá configurar o início da nossa estação chuvosa porque o Atlântico Sul, na altura da Costa Leste do Nordeste, continua frio e com tendência de se manter com temperatura abaixo da média ao longo da quadra chuvosa do Semiárido da Paraíba, que dura em média de fevereiro a maio”.

Mesmo com a baixa perspectiva, o semiárido — clima o qual está inserida a região e todo o Sertão — é caracterizado por chuvas irregulares, ou seja, até o mês de junho, que é quando começa a estação de inverno, grandes pancadas chuvosas podem ser registradas.

Diamante Online e Destaque Do Vale

Jefferson Lima

Read Previous

Colisão entre carro e moto deixa uma pessoa morta no sertão da paraiba na noite desta quarta-feira

Read Next

Testar positivo para covid-19 após receber vacina não se trata de reação adversa, explica secretário da Saúde da PB

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.