José Aldo não resiste a Petr Yan e deixa escapar chance de ser campeão no UFC 251

Não foi desta vez que José Aldo conseguiu realizar o sonho de ser campeão em duas categorias do UFC. Mesmo atuando com muita agressividade e tendo chances de sair vencedor nos rounds anteriores, o brasileiro foi superado pelo russo Petr Yan, sendo nocauteado aos 3m24s do quinto round após uma série de golpes duros no chão. A vitória de Yan deu a ele o cinturão vago do peso-galo.

Meu plano era fazer exatamente o que eu fiz. Cansá-lo nos dois primeiros rounds e depois partir para o nocaute. Ser campeão tão jovem me motiva muito, e agora quero ir para casa comemorar com a minha família – disse o russo após a luta.

Os dois lutadores se cumprimentaram no centro do octógono no início do quinto round, e logo depois Petr Yan acertou um duro golpe de esquerda, que abalou José Aldo. O brasileiro foi derrubado e Yan foi para cima do brasileiro, ficando na meia-guarda e golpeando de cima para baixo. Aldo tentava se defender, e girou, dando as costas ao russo. Yan golpeava sem parar e o brasileiro apenas protegia a cabeça enquanto recebia joelhadas nas costelas e socos na cabeça. O árbitro acompanhava a situação de muito perto, e a 1m37s do fim da luta não teve alternativa a não ser interromper a disputa, decretando o nocaute técnico e a vitória de Petr Yan.

Petr Yan nocauteou José Aldo e conquistou o cinturão peso-galo no UFC 251 — Foto: Getty Images

FONTE: Globoesporte.com

Jefferson Lima

Read Previous

’Plano Novo Normal’: Avaliação aponta que 182 municípios da PB estão com bandeira amarela

Read Next

Três municípios no Vale do Piancó alcançam bandeira verde e podem reabrir o comércio retomando atividades

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.